domingo, 19 de março de 2017

Comentando sobre o livro 'O Labirinto dos Espíritos' de Carlos Ruiz Zafón.

Sinopse:
Na Barcelona de fins dos anos de 1950, Daniel Sempere já não é aquele menino que descobriu um livro que havia de lhe mudar a vida entre os corredores do Cemitério dos Livros Esquecidos. O mistério da morte da mãe, Isabella, abriu-lhe um abismo na alma, do qual a mulher Bea e o fiel amigo Fermín tentam salvá-lo.

Quando Daniel acredita que está a um passo de resolver o enigma, uma conjura muito mais profunda e obscura do que jamais poderia imaginar planta a sua rede das entranhas do Regime. É quando aparece Alicia Gris, uma alma nascida das sombras da guerra, para os conduzir ao coração das trevas e revelar a história secreta da família… embora a um preço terrível.

O Labirinto dos Espíritos é uma história eletrizante de paixões, intrigas e aventuras. Através das suas páginas chegaremos ao grande final da saga iniciada com A Sombra do Vento, que alcança aqui toda a sua intensidade, desenhando uma grande homenagem ao mundo dos livros, à arte de narrar histórias e ao vínculo mágico entre a literatura e a vida.

«Zafón reinventou o que significa ser um grande escritor. A sua habilidade visionária para narrar histórias já é um género em si mesma.» USA TODAY

Opinião
O quarto e último livro da saga 'O cemitério dos livros esquecidos' promete um desfecho eletrizante de todas as histórias.
Novamente, os livros malditos unem-se, como túneis subterrâneos, às existências dos seus autores. Livros malditos ou livros de seres delicados que padeceram as crueldades da História como Isabella, a mãe de Daniel. Também no Labirinto dos Espíritos, assistimos a um jogo de espelhos entre a Barcelona real e a Barcelona reflectida nos livros de paradeiro incerto, neste caso com o eco de uma muito particular.
Através das suas páginas chegaremos ao grande final da saga iniciada em 2001 com A Sombra do Vento e que continuou com O Jogo do Anjo e com O Prisioneiro do Céu, que alcança aqui toda a sua intensidade e tracejado, que por sua vez desenha uma grande homenagem ao mundo dos livros, à arte de narrar histórias e ao vínculo mágico entre a literatura e a vida.
                                           Coleção 'O Cemitério dos Livros Esquecidos'

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Ola pessoal, espero por suas opniões.
comentem!